Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade, recomendar conteúdo de seu interesse e otimizar o conteúdo do site. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Confira nossas Políticas de Privacidade e Termos de Uso, clique aqui.

O jornal que todo mundo lê
Publicidade
Saúde
08/10/2021 - 11h06
Setembro é o mês com o menor número de mortes por Covid-19 em 2021 no Brasil
Ministério da Saúde atribui a redução de mortes ao aumento da cobertura vacinal no país
Foto: Myke Sena/ Ministério da Saúde.

Por Flávio Macêdo/ Agência Brasil 61


Setembro é, até agora, o mês de 2021 com menor número de mortes por Covid-19 no Brasil, segundo o Ministério da Saúde. A pasta contabilizou 16,3 mil óbitos por conta da doença no mês. Abril foi o mês mais crítico do ano em relação às mortes causadas pela pandemia - ao todo, 82,2 mil vítimas. Na comparação entre abril e setembro, a redução no número de óbitos chega a 80%.

De acordo com os dados divulgados pelo Ministério da Saúde desta quarta-feira (6), 93% da população adulta já foi vacinada com a primeira dose e 60% completamente imunizada. Especialistas em saúde afirmam que a queda no número de mortes por Covid-19 está diretamente associada ao aumento da cobertura vacinal.

“Os números realmente vêm caindo nas últimas semanas, tanto em números de casos novos quanto no número de mortes, e esses recortes são os principais indicadores para vermos como está o comportamento de uma pandemia. Isso significa que a transmissão está diminuindo mesmo em um país de extensão continental. Com isso, temos a certeza de que a vacinação é a melhor estratégia para se combater a Covid-19. Agora esperamos que esses dados continuem caindo”, diz o infectologista da Sociedade Brasileira de Infectologia, Julival Ribeiro.

Diante dos números, o secretário pede que as pessoas se vacinem. “O nosso incentivo é fazer com que todos os brasileiros se imunizem. O ministério vem se esforçando para distribuir doses suficientes para imunizar todas as pessoas aptas a receberem as vacinas contra a Covid-19”, conclui.


Dados da Vacinação contra a Covid-19 no Brasil

De acordo com dados do Ministério da Saúde divulgados nesta quarta-feira (6), já foram aplicadas 243.589.234 milhões de doses de alguma das vacinas pelo país. Destas, 95.306.373 milhões são da segunda dose e 148.282.861 milhões referentes à primeira. Já a quantidade de doses de reforço aplicadas é 1.378.711. O número de doses distribuídas pela pasta é 301.005.168 milhões.


Quantidade aproximada de doses aplicadas por estados:

SP 64.325.007

MG 23.467.240

RJ 19.637.109

BA 15.576.817

RS 14.207.480

PR 13.748.618

PE 10.185.216

CE 10.088.599

SC 8.732.097

GO 7.613.525

PA 7.399.575

MA 6.519.976

ES 4.726.797

PB 4.269.807

AM 4.073.537

RN 3.930.482

MS 3.604.042

MT 3.587.542

DF 3.494.448

PI 3.422.882

AL 3.288.218

SE 2.538.076

RO 1.741.194

TO 1.515.242

AC 827.664

AP 679.690

RR 492.024



Confira Também


Publicidade

no Facebook