O jornal que todo mundo lê
Publicidade
Colunas
19/10/2020 - 14h50
Vagas temporárias: uma alerta para efetivar-se após o término do período de contratação

Por Cássio Amaral*

Nesse período em que se antecipa as festas de finais de ano, há uma previsão de contratações para os setores varejistas, permitindo que as chances de se colocar no mercado de trabalho sejam mais altas, sendo assim é necessário estar atendo ao período e se preparar.

As contratações acontecem entre outubro e novembro, porém as chances para atuar em todo o verão ou ainda ser contratado por período indeterminado, aumentam quando o funcionário se destaca entre os demais no ramo em que atuará nesse período. Além da modalidade contrato por tempo determinado, temos ainda os contratos intermitentes, essa modalidade atende mais aos setores para cozinheiro, porteiro, garçons que por sua vez trabalham nos finais de semana.

Para atendimento ao cliente, principalmente nesse período as empresas buscam profissionais que cuidem da sua aparência pessoal, porém nada impede de caprichar em seu currículo e no momento da entrevista fazer a diferença. O período do Natal, é o período em que se tem maior acréscimo nas contratações, com picos elevados, isso faz com que a economia local seja aquecida.

A contratação temporária com respaldo na Lei n° 6.019/74, pode ser utilizado para qualquer tipo de empresa, passando das microempresas até as multinacionais sendo para qualquer área de atuação e todas as qualificações profissionais, podendo ser feito a utilização de contratação via Sine, ou qualquer outra agência ligada ao Ministério da Economia e Trabalho.

O trabalhador temporário ainda conta com os mesmos direitos previstos ao trabalhador efetivo: 13º salário, FGTS, Férias proporcional ao período trabalhado, INSS, adicional noturno e repouso semanal remunerado. Nessa modalidade contratação, porém, não cabe aviso prévio, a multa no valor de 40 % do FGTS e nem o seguro desemprego. Mesmo não sendo regido pela CLT, o mesmo deve constar as anotações na CTPS.

O fato é que o trabalhador temporário, é contratado para atender às demandas de final de ano, porém as chances de contratações por efetivação após a finalização desse período, são muito recorrentes, como mencionando anteriormente.

Vejamos algumas dicas para o mesmo, tanto na contração temporária como na intenção de efetivação durante o processo de seleção: Se apresentar corretamente na entrevista, com dados relevantes demonstrando que você é a pessoa indicada para a vaga em questão. A pretensão salarial também é um questionamento por parte do empregador, que alguns momentos acabam por trazer desconforto por ambas as partes, é necessário que se faça uma pesquisa de mercado, para atender a oferta do empregador.

Seja sincero no seu currículo, jamais evidencie aspectos de sua vida profissional que são falsos ou não condizem com seu perfil, a sinceridade fará a diferença nesse momento. Outra pergunta que sempre traz uma insegurança no momento da entrevista é: Por que devo contratar você? Ou ainda, por que você quer trabalhar em nossa empresa? Certamente o que você traz de diferencial em seu currículo, somado com a resposta dessa pergunta é o que você se preparou profissionalmente para esse momento de entrevista.

Buscar oportunidades no mercado de trabalho nesse período é um momento estratégico para colocar seu currículo à disposição, e se apresentar para que você seja apreciado pelas suas habilidades e carreira profissional. Normalmente, vagas temporárias buscam apenas segundo grau completo e, muitas vezes, não é necessário ter experiência. Sendo assim, uma forma de se diferenciar é pela simpatia, comunicação clara e trabalho em equipe.

É grande o número de pessoas e profissionais que afirmam que o dia deveria ter mais horas disponíveis para ser possível concluir tudo o que é necessário. O que se percebe, porém, é uma grande falta e dificuldade de organização. De fato, em muitas situações ficamos sobrecarregados de atividades, sendo preciso uma dedicação maior para colocar tudo em ordem. 

Essas habilidades são fundamentais em qualquer emprego, em qualquer empresa. Ou seja, se preocupe com a sua posição no mercado e faça da oportunidade um momento para dar um upgrade profissional em sua carreira.

*Cássio Amaral é Professor/ Coordenador de Fomento de Emprego e Renda Município de Patrocínio.



Confira Também


Publicidade

no Facebook