O jornal que todo mundo lê
Publicidade
Colunas
14/10/2020 - 13h50
Ser mestre

Por Brígida Borges

Não há como deixar passar em branco a oportunidade de reverenciarmos os profissionais que se dedicam à nobre arte de ensinar.

Tarefa difícil, mas não impossível apesar de sabermos bem que pede um sacrifício incrível.
Tarefa que exige abnegação, inteiração, tarefa que é feita com o coração.

Nos dias cansados, nas noites de angustia, nas horas de fardo da luta renhida chegamos até a nos questionar: Meu Deus;será que vale a pena ensinar? E então, bem lá dentro uma voz responde: - Vale sim, coragem! Veja você mesmo/a onde já conseguiu chegar! É a sua alma, é o seu eu te respondendo e encorajando a seguir adiante, na certeza de que, quando ensinamos nós aprendemos também, fazemos o bem e o belo a alguém ou a alguns e vamos semeando, nos nossos aprendizes, um pouco de paz, de conhecimento, de amor e um tanto de Deus.

Parabéns, Mestre!




Confira Também


Publicidade

no Facebook